Skip to content

A oração dos pais

maio 19, 2010

Toda vez que eu penso na imensa responsabilidade que é a de criar e educar os filhos, penso que não conseguirei fazer isso sozinha. Nem eu e o meu marido sozinhos. Na criação e educação dos filhos, vejo como nós vamos precisar, como sempre e mais do que nunca, de sabedoria e orientação divinas. Como eu não sou mãe ainda, ao mesmo tempo que isso me empolga, também me deixa temerosa. Será que eu dou conta? Será? Será?

A Bíblia fala várias coisas sobre pais e filhos. O livro de Provérbios faz alusão diversas vezes aos filhos como herança dos pais, aos pais como merecedores de honra e obediência. Aí, ao mesmo tempo que eu me empolgo, fico temerosa… será? será?

Um dia, estava lendo um livro chamado “As sete virtudes da mulher cristã”, da autora Carolyn Mahaney, que eu gosto muito (aliás ela tem um blog FANTÁSTICO com as quatro filhas dela, quem lê inglês tem que visitar! o endereço é http://www.girltalkhome.com), e ela dedicou um capítulo para falar sobre criação de filhos. Confesso que quase pulei o capítulo, pensando “ok, volto daqui a alguns anos”… mas resolvi seguir a leitura.

Sem segredos, mas posto de um jeito muito diferente e transformador, ela ressaltou o valor que existe na oração dos pais pelos seus filhos. Os pais devem orar pelos seus filhos. Orar pelo que? Por tudo. Quanto mais oramos pelos filhos, mais nos interessamos também pela vida deles… com isso, mais nos aproximamos deles… e eles de nós,  é o que diz a mesma autora.

Se você é mãe e seus filhos já estão mais crescidinhos, você com certeza deve se lembrar de ocasiões nas quais você simplesmente orou pelos seus filhos… e soube mais tarde que eles precisavam das suas orações naquele exato momento. Se você é filha e seus pais são cristãos, você já deve ter visto seus pais orando por você… orando com você…. e provavelmente aprendeu a orar assim! Não devemos e não podemos nunca subestimar o poder da oração… ainda mais quando elas são feitas por pais que oram e intercedem por seus filhos.

Eu tenho um amigo que, na adolescência, se afastou dos caminhos de Deus e foi viver o “mundão”. Sua mãe, uma pessoa muito muito querida e que eu gosto muito, estava muito aflita com esta situação e por isso o relacionamento dos dois acabou estremecendo um pouco, ela já não sabia o que fazer… e então fez o que deveria fazer: orou. Orou, orou, orou. Um dia, meu amigo voltou da “balada”, tarde da noite. Entrando em casa, ouviu um sussurro bem baixinho… foi seguindo o barulho e encontrou seus pais ajoelhados, na varanda, chorando e clamando a Deus pela vida dele, para que Deus o trouxesse de volta em segurança e que o trouxesse de volta à vida que realmente vale a pena. Meu amigo disse que nenhum sermão ou bronca mexeu tanto com ele quanto a cena de ver seus pais clamando por ele. Seu coração foi quebrantado e ele voltou aos pés de Jesus! É uma história linda.. é o poder da oração! O poder da oração dos pais. Quando ele compartilhou isso, ele chorou. E não é pra menos! Os pais oram por seus filhos… e devemos ser gratos a Deus e a eles por isso.

Mas, quando orar pelos filhos? Quando eles nascem? Crescem? Quando começam a dar problema (a visão mais terrena do assunto, hehe)? A Bíblia dá a resposta categórica: “Orai sem cessar” ( I Tess 5:17). Sabe o que esse versículo me fez pensar, inclusive?

Que eu não preciso nem esperar meus filhos nascerem para orar por eles. Que eu não preciso estar grávida para orar por eles… então eu comecei! Peço a Deus que, se Ele me der filhos, que eu tenha sabedoria e condições para criá-los, amá-los e educá-los com a mesma dedicação, amor e firmeza com os quais eu fui criada, amada e educada. Peço que Ele abençoe o desenvolvimento deles, o crescimento… e peço o essencial: que desde cedo Ele convença os meus futuros pimpolhinhos sobre a necessidade que eles também terão de que Alguém os livre e resgate das garras do pecado… e será essa a minha maior alegria: ver que os meus filhos se tornaram meus irmãos! Família em dose dupla. Alegria completa!

Para as que já tem filhos, nunca parem de orar por eles. Precisamos de orações e precisamos de que nossos pais orem por nós. Meninas, se é desejo do seu coração ter filhos, por que não começar hoje mesmo a orar por eles também?

Termino com uma citação de Max Lucado:

“Nunca subestime as meditações de um pai e de uma mãe cristãos.  Quem sabe quantas orações estão sendo respondidas agora, por causa da oração fiel de um pai ou uma mãe, feita há dez ou vinte anos? Deus ouve a meditação dos pais. Orar por nossos filhos é uma nobre tarefa. Se o que fazemos nesta sociedade que caminha a passos rápidos está nos impedindo de orar por nossos filhos, estamos fazendo demasiadamente. Não há nada mais especial, mais precioso, que o tempo que um pai ou uma mãe despende em esforço e meditação com Deus, a favor de um filho.”

 Orem sem cessar… pelos filhos que já vieram, ou pelos filhos que virão!

 

Anúncios
3 Comentários leave one →
  1. Elaine permalink
    maio 19, 2010 6:58 pm

    Naná… como sempre tem sido uma benção essas meditações…e eu tbm crei no poder da oração não esquecendo do quanto nosso relacionamento com Deus fica mais próximo e profundo por orarmos…

    Também comecei a orar pelos futuros filhos se assim Deus quiser

    Bjs Elaine

  2. Érica permalink
    maio 22, 2010 3:45 pm

    Muito bom, Naná!!! Eu também tenho orado muito pelos meus filhos, especialmente o que está a caminho…Bjos

Trackbacks

  1. Tweets that mention A oração dos pais « Blog Coisa Nossa -- Topsy.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: