Skip to content

A Rainha Ester

maio 4, 2011

Desde pequena, costumava ouvir encantada a história bíblica de Ester, a menina que saiu de sua casinha simples e foi escolhida para ser rainha da Pérsia, caindo “nas graças” do rei Assuero depois que a malvada rainha Vasti foi mandada embora porque desobedeceu. A  rainha Ester tornou-se mais tarde uma heroína entre o povo judeu, denunciando um plano mau do perverso Hamã, que queria destruir os judeus e ela, com muita coragem, foi à presença do rei para pedir pelo seu povo… e foi ouvida.  Lembro que teve um campeonato entre os juniores da igreja uma vez, sobre quem contava a historinha de Ester sem olhar no livro bíblico, e eu ganhei o prêmio! Que honestamente não lembro qual foi, mas graças a Deus não esqueci a história.

No entanto, à medida que fui crescendo, ouvindo e aprendendo cada vez mais sobre a rainha Ester, percebi que a riqueza desta história e da vida dela vai muito além disso, trazendo questões mais profundas que vão por trás desta história e fazem dela uma das minhas preferidas histórias bíblicas, e da rainha Ester a personagem que mais admiro na Palavra de Deus.

Ester era uma mulher muito corajosa. Sair de sua casa, por mais simples que fosse, e ser levada ao palácio, não foi decisão sua. Devido ao mandato do rei, ela e todas as virgens da cidade foram levadas ao palácio, retiradas do convívio de sua família, de seus costumes e tradições, para um futuro incerto, já que apenas uma seria rainha. Some-se a isto o fato de que ela era judia numa cidade persa, ou seja… tudo para dar errado. Ela foi, e poderia ter ido com péssima atitude, mas não é isso que a Bíblia menciona, pelo contrário: sua beleza exterior e interior fizeram com que ela logo chamasse a atenção dos servos do rei, e ela pode então chegar ao posto de rainha. Não por mérito dela…. mas porque Deus estava presente, tinha um plano para ela… e Ester teve a coragem de vivê-lo.

Ester era uma mulher sensível. Não sei o que se passa na cabeça de uma mulher simples que, de repente e do nada, assume o trono de rainha. Não sei como eu reagiria. Talvez seja bem fácil esquecer rapidinho da vida difícil que levava antes e igualmente fácil ocupar o tempo pensando apenas sobre assuntos da realeza, curtindo a vida boa e as paparicações decorrentes dela. Conheço mulheres que, com bem menos do que um trono real, infelizmente transformaram seus comportamentos brutalmente em função de uma melhora razoável em suas condições de vida. Esquecem-se dos outros, de seu passado, e agem sem compaixão. Mas Ester, aaah… ela não. Ali dentro do palácio, em meio a toda a sua riqueza e glória, compadeceu-se de seu povo ao saber do plano que Hamã estava tramando. Considerou-se como eles, sua vida também estava em jogo, independente de ser rainha ou não!! E essa sensibilidade, aliada à sua coragem, deu-lhe a esperteza de bolar um plano para denunciar Hamã e clamar por misericórdia ao seu rei. Ela sabia dos riscos, e sabia que não conseguiria fazer sozinha. Então pede ajuda ao seu Deus, clama ao seu povo que faça o mesmo, e age corajosamente em favor do povo judeu:

“Vai, ajunta a todos os judeus que se acharem em Susã, e jejuai por mim, não comais nem bebais por três dias, nem de noite nem de dia; eu e as minhas servas também jejuaremos. Depois irei ter com o rei, ainda que é contra a lei; se perecer, pereci.”  ( Ester 4: 16)

Que coragem!!! “Vou fazer o que eu tenho que fazer, ainda que seja arriscado; se morrer, morri!!” Admiro demais a rainha Ester. E sei que o Deus que estava por trás de tudo isso é o meu Deus, que pode e me dá coragem para viver o Seu plano, seja ele qual for, assim como deu a Ester!!

E o final da história não poderia ser diferente. Com muita sabedoria e esperteza, e sustentada pelas orações de seu povo, Ester planejou tudo muito bem, foi à presença do rei, e o plano de Hamã foi desfeito. O povo judeu foi preservado, e Deus usou para isso uma “simples menina” que teve a coragem e a sensibilidade de assumir os riscos de obedecer e cumprir o propósito de Deus para a sua vida. Isso sim é rainha de verdade!!! 

Coragem, sensibilidade, temor a Deus e paixão para cumprir o Seu propósito. São qualidades que eu vejo e admiro demais na rainha Ester. São qualidades que desejo em minha vida, todos os dias. E  são virtudes que desejo e clamo a Deus para ver em minha filha que está a caminho…. e que se chamará Ester!

Beijos a todas,

Naná

Anúncios
6 Comentários leave one →
  1. Elaine permalink
    maio 4, 2011 4:41 pm

    Naná… como sempre uma palavra que edifica..que Deus continue a abençoar e você e desde já a pequena Ester, estou orando agora pela pequena Ester que Deus está colocando em suas mãos

    bjs Elaine

  2. Neia permalink
    maio 4, 2011 4:54 pm

    Que Deus abençoe vcs duas !!!

  3. Fernanda permalink
    maio 4, 2011 6:12 pm

    Nana!!!! Ester tambem eh uma das minhas personagens favoritas na Biblia!!!! Muito edificante seu post!!! Deus continue abencoando sua vida e que a pequena Ester seja assim como voce! Serva do Senhor! Dedicada a defender a verdade! Obrigada por compartilhar!
    Abracos

  4. Adriana Merkh permalink
    maio 5, 2011 12:53 am

    Gostei demais!Deus abençoe vcs duas!!!Bjs Dri

  5. Vania permalink
    maio 5, 2011 2:00 am

    Continuo sendo sua fã! Obrigada pelas mensagens… e parabéns pela SUA ESTER!!! Deus abençõe vcs!

  6. Julia Beloto permalink
    maio 5, 2011 3:44 am

    Naná !! A história da rainha Ester é realmente linda,exemplo de fé em Deus !! Lindo nome para sua filhinha,era o nome da minhã tão amada mãe !! Que Deus continue te usando para nós podermos ler as palavras escritas por vc,fruto de seu relacionamento com ele !!!!!
    Bjs,
    Julia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: