Skip to content

O complexo mundo das histórias infantis

agosto 19, 2011

Há algumas semanas atrás, nessa onda de me preparar para a maternidade, comecei a me dar conta que o mundo encantado das historinhas infantis ainda existe – eu é que estava distante dele. Fui para Orlando com o meu marido e, na Disney, pude perceber aliviada que os mesmos personagens continuam todos lá: Mickey, Minnie,  Pato Donald, a Branca de Neve, e todos os demais da minha “época”, somados aos atuais do Monstros SA, Lilo & Stitch, etc etc. A lista é bem longa, e eu na verdade tinha me esquecido o quanto ela é longa. Isso sem nem entrar nos desenhos animados de hoje em dia, como os Backyardigans, o Pocoyo,  Cocoricó (o que é aquele clip do cocô!!!!!!!!), Peixonauta e tantos outros que eu confesso que ainda conheço apenas de ouvir falar ou de comprar um ou outro brinquedinho do tema para os meus sobrinhos, mesmo sem saber ao certo do que se trata.

 Pois bem. Meu drama começou assim. Compramos uma boneca da Branca de Neve para a Ester, porque temos certeza de que a chance dela ser parecida com essa personagem encantada é muito grande (branquelinha de cabelo escuro, igual a mamãe e o papai), e aí, logo quando voltamos, empolguei-me com a possibilidade de contar para ela a história da Branca de Neve.

Mas… quem disse que eu lembrava? Percebi que esse mundo de princesa infantil é muito confuso. No meio da história eu não sabia explicar ao certo por que é que ela morava no meio do nada com os sete anões. E a maçã? Quem deu a maçã pra ela? Me confundi toda, dei o sapatinho de cristal pra ela e joguei a Cinderela nas mãos da bruxa malvada que dizia “espelho, espelho meu….”, e não fazia a menor ideia do motivo pelo qual a Bela Adormecida tinha caído no sono. Seria mais uma maçã? Envenenada, sério mesmo? De novo? A Disney não faria isso… deve ter uma explicação diferente, mais original… mas eu não lembro, confesso que não lembro. Também tive dificuldade em saber com qual princesa os bules e xícaras conversavam, e nem entrei no mérito de tentar lembrar a cara e os feitos heroicos dos príncipes de cada uma. Não é possível que todos beijaram as princesas para  elas acordarem né, até porque pelo que eu lembre nem todas estavam dormindo. A Cinderela estava fazendo o que quando o príncipe dela chegou? Enfim. Acho que tinha um príncipe moreno na história, e o resto era tudo loiro. Uma coisa eu sei, não tinha nenhum careca, só o da Inglaterra mesmo. Ah!! E o sapo, era de quem?? Não faço ideia. Esqueci!

Com o tempo percebi que a coisa era mais séria do que eu pensava. Semana passada encontramos uma amiga no shopping que foi levar a sobrinha, de cinco anos, para assistir Os Smurfs no cinema. Logicamente a pequena criança nunca tinha visto um Smurf na vida, porque eles são da nossa época, não da dela!! Por isso, minha amiga disse que teve que explicar a história para a sobrinha, e então começou a me contar fluentemente sobre o enredo, sobre o Gargamel, sobre o cogumelo em que eles moravam…

E eu confesso que não lembrava de nada disso. A única coisa que me vinha à mente era a musiquinha que eles cantavam quando estavam voltando do trabalho: “Eu vou, eu vou, pra casa agora eu vou….”. Compartilhei isso com o Luiz e ele disse “Não! Essa música não é dos Smurfs, quem canta é a Chapeuzinho Vermelho!”.  Pra mim fez sentido na hora, mas depois fiquei pensando ué, se a Chapeuzinho canta isso, então quem é que canta “Pela estrada afora eu vou bem sozinha, levar esses doces para a vovozinha”?? Caramba, que confusão. Ficamos na incógnita. Aí lembrei da piadinha clássica do Dunga sendo eliminado da Copa no ano passado e cantando no avião “Eu vou, eu vou, pra casa agora eu vou” e me lembrei: há! Essa música é da Branca de Neve, quem canta são os anões, então são eles que trabalham…. o que os Smurfs fazem eu já não sei… mas eles cantavam também, disso eu lembro!! Mas não me pergunte a música.

Enfim, ando assim ultimamente. Não conheço mais as historinhas infantis e percebi que preciso voltar a entender esse mundo. Aliás,  até um tempo atrás achei que tinha saído de moda essa coisa de ganhar peixe na escola, pintinho na feira de ciências, encapar livros para a escola… agora, com minhas amigas mais adiantadas do que eu, percebi que continua tudo mais ou menos igual: livros para encapar, presentes vivos que duram dois ou três dias numa fruteira com água ou numa caixa de sapatos na lavanderia, maquetes de isopor e bichos feitos de chuchu. Continua tudo aí. Eu é que tinha parado de olhar pra isso.

Fiquei aliviada. Se a infância da minha filha for parecida com a minha, acho que ela pode se divertir bastante.  Mas vi também que tenho bastante trabalho pela frente. Preciso reaprender as histórias infantis. Aprender qual príncipe é de qual princesa e onde vende batom com cheirinho de morango. Lembrar que bonecas também fazem aniversário, e que algumas tem medo de escuro. É, tenho muito trabalho pela frente, e acho que vou começar lendo os contos de fadas, pra não dar espelho para a bruxa errada, maçã pra princesa do sapatinho e abóbora para a que dormiu…. aliás, por que ela dormiu, pessoal?? E de quem era o sapo??  São os dois mistérios que ainda não desvendei.

E o melhor é que eu não vejo a hora de entrar em tudo isso de novo, agora como a “gente grande” da conversa!

Beijos a todas e um excelente final de semana!

Naná…

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. Fernanda permalink
    agosto 19, 2011 6:47 am

    Oi Nana!!!!
    Fiquei dando risada com o seu post, pois sei bem como se sente! Imagine qdo a Ester tiver um irmaozinho…. ai alem de princesas, principes, bruxas voce vai ter que ser expert em transformer, todos os modelos de carros da hotwheels, caminhoes, Ben 10 e outros herois da nossa epoca e dessa agora! Sem contar que tem que ser engenheira,arquiteta e cozinheira tambem… montar trenzinhos e cazinhas e fazer comidinha, claro!!! Muita diversao! Entao, a Bela adormecida dormiu porque a rainha malvada ficou com inveja porque nao tinha sido convidada para a festa e lancou uma maldicao na pequena princesa: antes de completar os 16 anos ela espetaria o dedo na agulha de uma roca e morreira… dai uma das fadinhas aliviou a situacao e disse que ela nao morreria, mas dormiria ate ser dispertada por um beijo do amado! Os bules e xicaras falavam com a Bela! :O) O resto vou deixar pra outras mamaes te ajudarem! Tenha um bom final de semana!!!! :O)
    xx

  2. Adriana de Paula permalink
    agosto 19, 2011 12:23 pm

    Rsrsrsr!! Dei muita risada tbm!! Mas é muita confusão mesmo!!! Muita princesa pra gente entender!!! Então, lembro que o sapo era da história da princesa que tinha uma bola dourada que caiu no lago…não lembro o nome da história!! Mas o sapo busca a bola para ela e por isso ela tem que deixar que ele fique na sua casa…alguma coisa assim, e no fim, ele vira príncipe! Mas essa é a história antiga, tem uma atual da Dinsney que não gostei muito não, achei meio estranha a história com magia negra….
    Boa sorte aí com o resto!! bjooo, Dri

  3. Renata Andreo permalink
    agosto 19, 2011 4:47 pm

    hahahhahaha!! mto bom como sempree Nana!!! é isso ai..bem vinda ao time das mamães!! é uma delicia voltar a viver tudo isso…e como as meninas disseram, vc nao esta sozinha, pois nós tb nao lembramos de mta coisa…rsrsrsrs…mas vamos q vamos!!! é bom demaissss!! bjaoo grande pra vcs duas.

  4. Patricia Trovijo permalink
    setembro 1, 2011 7:09 pm

    Ahahaah, adorei o post! Não sou mãe, mas sou tia e até que sei mais ou menos o enredo dos contos. Nas férias fiz uma imersão na trilogia Shrek lá na casa da Fernanda, com enfase especial para “the one with the dragon tia Pati”, a Emily comandava as exibições! Nada contra os clássicos, mas acho que curto mais estes contos mais modernos sabe, Shrek está nas primeiras posições na lista dos favoritos. O príncipe e a princesa não são mais perfeitos e isso é bem legal na minha opinião. Gostei também do novo a Princesa e o Sapo, apesar da magia negra Adri.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: