Skip to content

Festerê: aniversário de 01 ano da Ester

setembro 22, 2012

Oi pessoal!

Há muito tempo estou querendo fazer um post desse tipo, mas a correria e a falta de grandes habilidades festivas me impediam. No entanto, agora criei coragem, e aos poucos vou adicionando algumas descrições de festas que eu fiz. Não sou expert, longe de mim! Sou apenas uma mamãe entrando no ramo de festas em casa. Vou começar com a de 01 ano da Ester, claro! Mas quem sabe um dia não escrevo também sobre o chá de bebê, o chá de cozinha, a despedida de solteira, minha festa de 30 anos…. afinal, como esse é um blog para mulheres, festejar também é coisa nossa! De repente você aproveita uma ou outra dica, idéia… ou me dá dicas e idéias para festas futuras! Tudo sempre muito bem vindo.

A Ester completou 01 ano dia 12, e praticamente desde o dia em que ela nasceu (ta bom, nem tanto) fiquei pensando em como seria a primeira festinha dela. Se seria grande, pequena, média, só família, todo mundo, ninguém, enfim…. dúvidas cruéis de quem tem uma festa para organizar. Cheguei a pensar e a fincar o pé de que seria uma comemoração pequena, íntima, só para não passar batido mesmo, mas…. minha alma festeira sempre quis o contrário. Aí me rendi.

Fizemos uma festinha para 50 pessoas aproximadamente, entre familiares e amigos mais próximos. Não tenho nada contra buffets infantis, mas espero passar longe deles nos aniversários dos meus filhos (calma, eu só tenho uma mesmo, vc não perdeu nada) tanto quanto me for possível. Nada pessoal, mas eu gosto de festa de criança em casa, com docinho feito em casa, sem mesa de doces giratória que já foi usada pelo menos para outras 10 crianças….gosto da bagunça de duas semanas preparando a casa pro evento,  bexiga enchendo no dia e toda a gostosa adrenalina dos preparativos. Aliás no meu caso foi adrenalina mesmo, porque a dondoquinha resolveu ficar doente na semana do aniversário dela e ainda no dia da festa estava com febre de manhã, corri com ela para o pronto-socorro, etc etc. Graças a Deus não era nada sério e sob o efeito da uma dosezinha simbólica de Novalgina ela logo melhorou e curtiu a festa pra caramba…. dentro, é claro, das possibilidades de curtição que uma criança de 01 ano dispõe. Depois descobri que aproximadamente 70% das crianças que eu conheço estavam doentes em seu primeiro aniversário. Deve ser a crise do primeiro ano, igual à que eu tive quando fiz 30… a diferença é que em um caso a crise é porque você está crescendo pra cima; na outra, pros lados. Mas faz parte.

Toda vez que eu falava da festa dela, a primeira pergunta que me faziam era: qual o tema da festa??? Gente, descobri que tema da festa é um negócio muito relativo. Aqui o tema foi “ A Ester vai fazer 01 ano”! Hehehe… não teve assim um teeeeema do tipo Branca de Neve, Alice no País das Maravilhas, Flores e Frutas, nada disso. Eu curto tema, acho bem legal, acho que em todas as outras vou ter um tema mega definido, mas esse ano foi isso mesmo: tema “01 ano”. Mas…. li recentemente que às vezes o tema pode ser uma combinação de cores ou estampas, afinal tema é o que direciona a festa… aí sim!!! Aí eu tinha um tema: rosa, roxo e verde. Foram as cores que predominaram em tudo. O tema é legal por causa disso, dá uma direcionada em tudo. Sou a favor de temas!

A decoração veio praticamente toda da megastore americana Party City, e eu trouxe dos EUA em uma viagem que fizemos no começo do ano. Vale muito a pena trazer coisas de lá, porque além de serem bem mais em conta, a qualidade é indiscutível e você encontra sempre muita coisa fofa e diferente. Se coubesse na mala, teria trazido bem mais coisa!!! Mas consegui trazer todos os enfeites, descartáveis, toalha de mesa e algumas firulinhas como língua de sogra e mentinhas, valeu demais a pena. Mesmo que você não vá viajar, recomendo que visite o site da loja, se não me engano eles também entregam no Brasil!

Como estou morando em uma casa, com quintal e área externa espaçosa, fizemos boa parte da festa do lado de fora. Mesa de salgados, mesa de bebida e uma mesa baixinha para as crianças menores, com quitutes permitidos para elas, tudo no jardim. Dentro de casa, só a mesa de doces, assim também preveni que ela fosse atacada por mosquitos, formigas ou então que tudo derretesse em caso de muito calor. O bom de festas em jardim ou quintal é que a recreação já é garantida, com um pedaço de grama a criançada já corre que é uma beleza.

mesa_externo

P1110546

A recomendação que eu andei lendo por aí é que se pense em  um monitor ou recreador em festas que tenham mais de 10 crianças maiores de 05 anos. Aqui não foi o caso, a maioria das crianças eram bebês fofíssimos que se acabaram no biscoito de polvilho, na gelatina e os mais arrojados também mandaram ver no brigadeiro. Pelo mesmo motivo, também não pensei em alugar brinquedo, proporcionar atividades diferentes e etc. As crianças simplesmente curtiram… deixei os brinquedos da Ester disponíveis e elas ficaram entretidas sem nenhuma programação especial. Honestamente achei que deu certo, para festa com crianças pequenininhas não vejo muito por que investir em coisas que elas não vão prestar atenção…

Quanto às comidinhas e bebidinhas, também não optei por nada muito estrambólico e diferente do tradicional numa festa de criança. Acho que a grande sacada numa festa infantil não é inventar muita moda, mas lembrar do que você gostava quando era criança e fazer exatamente isso e de boa qualidade! O que foi servido:

– Bebidas: água, coca-cola, guaraná, sucos de uva e maracujá. Uma dica de ouro pra quem vai servir suco e refrigerante, toda vez que tem suco em festa, ele evapora!!!! Faça o cálculo sempre em maior quantidade para os sucos, porque o pessoal toma muito, e toma mesmo. Invista em uma grande quantidade de copos também, porque uma pessoa usa pelo menos 2, tranquilamente. Aqui foram 150 copos para 50 pessoas. Ainda bem que eu tinha um arsenal guardado!

– Salgados:  Pipoca, Mini esfiha de carne, Enroladinho de salsicha, Mistinho quente enrolado no papel alumínio (servido quentinho), Espetinho de caprese (tomatinho cereja, manjericão e bolinha de muçarela) e Coxinha de frango.  Quando fiz a encomenda dos salgados, pedi que não tivesse nada frito; nessas, a coxinha tava fora. Mas a senhora me convenceu de que coxinha é sucesso nacional e eu até concordo com ela, mas nada me é mais frustrante numa festinha infantil do que ir seca numa coxinha e ela estar fria e murcha. Para evitar que isso acontecesse, ela me entregou as coxinhas sem fritar, e a copeira que eu contratei para pilotar a cozinha no dia (melhor coisa que eu fiz na vida, já que não contratei Buffet!) fritou as coxinhas na hora…. delícia, foi o único salgado que acabou totalmente, não sobrou nenhum pra contar história no dia seguinte.

– Mesa das crianças: comidinhas que quase todos os bebês já comem… pipoca, biscoito de polvilho, sanduichinho de bolacha maisena com nutella e gelatina de sabores variados. Foi uma fofura ver as crianças em volta da mesa, algumas mais gulosas ficaram por ali o tempo todo! Claro que essa mesa requer algum desprendimento, pois em alguns momentos vi crianças dando uma colherada em cada potinho de gelatina hahaha… mas faz parte da magia, pessoal.

– Doces: bom, aqui foi onde eu me libertei pra fazer algumas coisas. Como não tenho habilidades artesanais, mas curto cozinhar, aceitei o desafio de fazer todos os docinhos da festa da Ester. De novo, fiquei nos tradicionais para agradar: brigadeiro e beijinho de coco, enrolados e dispostos em forminhas. No beijinho, não coloquei o cravo, porque bebês indefesos poderiam engolir e ficar traumatizados pro resto da vida; optei por uma estrelinha rosa ou azul em cada um. Também fiz doce no copinho, e aí minha opção foi pelo brigadeiro branco com negresco, que também agrada bastante a criançada. O bolo foi de chocolate com recheio de bicho de pé (rosa! O tema!). Para dar um “plus a mais” na mesa, encomendei cake pops (os fofos pirulitos de massa de bolo cobertos com chocolate) e biscoitos decorados. Fiz na Dolce Favola  e indico forte, o atendimento é bem atencioso e ela criou os cake pops e os biscoitos baseados na decoração da festa, ficaram lindos e bem gostosos!

IMG_2731 IMG_2732

Os convites e lembrancinhas foram feitos pela minha mãe, que dentre suas muitas habilidades manuais tem se dedicado bastante ao scrapbook e feito coisas lindíssimas. As lembrancinhas foram cookies de aveia com gotas de chocolate, que praticamente toda criança gosta, arrumados em uma caixinha decorada com as técnicas de scrapbook.

Como disse, a decoração eu trouxe praticamente toda de fora, mas algumas coisas comprei aqui também e aí foi a Super 25 de março que me acudiu.  Para organizar tudo no dia, contei com a ajuda do maridão, que enche bexiga como ninguém, e uma grande amiga minha, Fabíola, que trabalha com criação e decoração de festas, me deu uma assessoria também. Recomendo forte uma visita à 25 de março para todas as mamães que querem fazer e organizar as festas dos seus filhos!! E se você quiser uma festa fofa, diferente, original e criativa, mas não sabe por onde começar…. recomendo a Nafathá Atelier de Festas, da Fabíola (para ver fotinhos das festas fofas que ela faz, curte a página no Facebook! Perfil Nafathá). Não recomendo meu marido para encher suas bexigas porque ele não faz isso profissionalmente… hehehe

Enfim, foi isso. A festa começou às 16 horas e os últimos convidados saíram às 21h. Depois que todo mundo foi embora, a casa estava um caos: brigadeiro pisado, copos espalhados, bonecos sem cabeça, bolo em cima do piano e até no trocador da minha filha. Mas uma sensação deliciosa de “quero mais” pairava por aqui, em meio a todo esse caos que simplesmente evidenciava que pessoas queridas estiveram conosco para celebrar uma data tão especial. A Ester estava acabada, mamou e capotou. Eu e meu marido fomos para a cozinha, fizemos um pratinho de salgado, um de doce, e comemos curtindo aquele gostoso clima “pós festa”. Entre uma bexiga e outra, um garfinho quebrado e outro, curtimos em casa a sensação gostosa de ter uma filha fazendo aniversário. Congelei bolo e docinho que vão durar até o ano que vem. A faxineira veio no dia seguinte e limpou toda a bagunça. Fim do caos… aliás, que caos? Estou pronta pra outra! Quando é a próxima?

Beijos a todas,

Naná

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. Fabíola Sada permalink
    setembro 22, 2012 11:35 am

    Festa deliciosa!!!! As meninas se divertiram demais, e não queriam ir embora de jeito nenhum!! Naná vc arrasou!!! Na festa e no post, que eu adorei!!! Como sempre fofo demais!!!!

  2. neia permalink
    setembro 24, 2012 2:39 pm

    Além e original, estava tudo perfeito ! Uma delícia ! Parabéns !!!!
    Tem um presentinho pra Ester aqui em casa, da minha amiga Viviane !!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: